Sol e Chuva

sol

2205datebuttonA vida é composta de polos e de extremos. Bom e mau, bem e mal, belo e feio, rápido e lento, e assim por diante. Existe também uma tal de metafísica que é um ramo da filosofia que busca o princípio e as causas fundamentais de tudo, tratando de questões que, em geral, não podem ser confirmadas pela experiência direta. Ela se interessa pelos “porquês” da vida humana, por aquelas questões que uma pessoa pode passar a vida inteira para formular, sem muitas vezes encontrar uma resposta satisfatória. Se você cria ou já criou filhos deve lembrar-se daquele pentelhinho perguntando:

 – Pai, posso comer mais um biscoitinho?

– Não, não pode.

– Por quê?

– Porque não.

– Por que porque não?

– Porque você vai engordar.

– Por quê?

– Porque biscoito engorda.

– Por quê?

– Porque leva muita gordura trans.

– Por quê?

– Porque transporta banha pra tua barriga.

– Por quê?

– Porque eu vou te dar um murro na cara!

– Por quê?

– Albertina!!!!!! Tira esse teu filho daqui!!!!

– Por quê?

E essa idade dos porquês nunca acaba, assim como os antagonismos também não. Outro dia eu ouvi um sujeito que tentava esfriar um pastel perguntando a seu amigo por que o bafo é quente e o sopro é frio. Eu preferi sair de perto para não ouvir a explicação.

Falando em pastel, e em coisas que não entendemos, eu me recordei de uma cena que aconteceu na faculdade com meu irmão mais velho e minha irmã caçula. Ele estava na cantina naquela pindaíba típica de universitário e a grana só dava para comprar um pastel ou uma bebida. Acabou optando pelo pastel, mas ficou com aquela vontade de tomar uma coca gelada. Repentinamente ele reconheceu a nossa irmã sentada num cantinho. Lá estava ela, a resposta para todos os seus porquês. Aquela que daria de beber ao moribundo, pois certamente teria uns trocadinhos para lhe comprar uma bebida. Ao se aproximar percebeu que ela também saboreava um pastel sem acompanhamento. Os dois fizeram contato visual, trocaram sorrisos generosos, mas logo que ele se aproximou da mesa minha irmã se levantou e disse aquilo que ele jamais esperava ouvir:

– Pô cara, me arruma uma grana pra comprar uma coca?

3 comentários sobre “Sol e Chuva

  1. Vc deveria ter ficado pra saber a resposta do pq o bafo é quente e o sopro é frio…..no mínimo daria boas risadas….rsrsrsrsrs…. ou quem sabe ficaria com raiva?? polos…extremos….rsrs

  2. Ivan, mas porquê?

    Não quero deixar comentários em todos antigos que lê… ams alguns não resisto.
    Já coloquei outros dois blogs em dia (li os posts antigos).
    É legal ver as mudanças, a formas diferentes que se escreve de um ano para o outro.
    As coisas aqui, andam muito paradinhas. Entediantes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s