Ode ao Recato

0128_1_lg

Eu não sou fã de pornografia. Eu nunca fui. Quando se trata de temas sexuais eu faço mais o estilo “praticar” do que o estilo “espiar”. Eu nunca naveguei em sites pornográficos, eu nunca folheei uma Playboy ou similar, e as poucas vezes que assisti a um [pedacinho] de filme estilo pornô eu me matei de dar risada. [Em compensação, quando tinha a idade de 10 anos eu espiei pelo buraco da fechadura e vi meus pais tendo “relações diretas de primeiro grau”, um grande pecado que em tempos do velho testamento bíblico me transformaria numa estátua de sal ou me traria uma pesada maldição. Todavia, eu não classificaria essa experiência de “descoberta” como indecência] 🙂

Enfim, não curto mesmo pornografia. E também não vou pra cama com a direita ou esquerda religiosa ou qualquer outro segmento [a não ser a Santa Igreja da Decência Comum] no que se refere a esse tema. Eu estou muito contente em viver as minhas convicções por conta própria.

Tenho total respeito às pessoas que pensam diferente de mim. Acho fisiológico que seres humanos sejam instigados sexualmente por aquilo que vêem. Eu, pessoalmente já me satisfaço com a riqueza dos meus pensamentos em relação a quem desejo e me divirto com picardias. O que não gosto, o que me espanta mesmo é esse culto às revistas, aos filmes, às versões mais calientes da banheira do Gugu na internet, e por aí vai. Eu acho tudo isso uma grande baboseira e sinceramente, me embrulha um pouco o estômago.

Ao contrário do que alguém possa estar pensando, sou um cara de mente muito aberta e que carrego alguns valores que podem chocar até o mais liberal dos homens. Mas esse lance de exploração sexual me deixa não com uma pulga, mas com um cachorro inteiro atrás da orelha. Falando em cachorro, a pornografia não poupa nem sequer os pobres animaizinhos da fazenda. Além de ser desrespeitoso para homens e mulheres, também vitimiza alguns bichinhos.

Um dos argumentos mais fracos usado como apologia ao mercado pornô é aquele que o associa à arte. Certa feita li uma declaração da Juliana Paes afirmando que posou nua apenas pelo dinheiro, quando seu salário era de mil reais. Por um lado eu admiro a honestidade dela em não dizer que fez o que fez pela arte. Por outro lado eu questiono se todas as engenheiras, dentistas, geólogas, advogadas e demais profissionais de nível superior que não ganham mil reais decidissem usar isso como argumento para posarem nuas. Ah, Juliana! Por que não arrumou um emprego numa loja do shopping? Conta outra.

Estou com um tom rabugento, né? Então chega. Exponho umas lindas fotos de Gina Lollobrigida e Ava Gardner de um tempo em que retratos assim viravam a cabeça dos homens, e que hoje representam arte de primeira. Me encanta muito mais a beleza em preto e branco dessas divas do que as curvas das meninas do BBB ou qualquer outra “celebridade” em páginas coloridas. Como eram lindas Ava e Gina. Ops…

ava_gardner

3 comentários sobre “Ode ao Recato

  1. Ontem passei por um outdoor e * acho* que li.

    Fartura de Sacanagem.
    Seja uma Boazuda ou Morra.
    Viva a estonteante overdose da Pornografia .

    E seguia o anuncio:

    Vulgarização explicita já e a garantia que você conseguirá baratear *seu preço*.( hã?)

    Cadê o parágrafo que vendia a idéia de sentimento?
    É acho que não faz mais parte do sonho de consumo.(rs)

  2. Quando tem-se a beleza pura e sobretudo verdadeira, aquela que só alguns encontram, e menos ainda, conseguem observar, percebe-se que não há necessidade de expor-se ao nu total para mostrar o que é belo. Ele está dentro de cada alma.

    1. Eu acredito que o segredo é encontrar o equilíbrio das coisas. Somos belos na nossa complexão física e isso é divino e puro. O que me incomoda mesmo é a exploração financeira e o valor exacerbado.

      Assuntinho complicado, né? rs

      🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s