fatboy fusca tocar

DMB sign

A #36 é uma faixa dedicada à memória do líder Sul Africano anti-apartheid chamado Chris Hani que foi assassinado pela extrema direita. O refrão principal “Hani, Hani come and dance with me” [Hani, Hani vem dançar comigo] foi trocado por “Honey, Honey come and dance with me” [Meu bem, meu bem, vem dançar comigo] porque Dave achou que a música tinha um ritmo muito alegre para carregar uma mensagem tão triste referente à morte de Chris. Consequentemente a letra que fazia menção à morte foi modificada para frases sobre amor e felicidade. Mais tarde com a criação de “Everyday” a banda passou a juntar as duas faixas numa só. Na gravação ao vivo o público recuperou a menção à Hani, cantando a versão original com o nome do ativista.

hani,c






28 de Junho de 1942  – 10 de Abril de 1993

4 comentários sobre “

  1. Meu bem, meu bem, doce será a vida qdo as pessoas perceberem que a pele não é a roupa da Alma.
    Meu bem, meu bem, doce será a vida, qdo formos embalados pela Conquista dos Direitos Humanos.
    Meu bem, meu bem, doce será a vida, qdo as pessoas deixarem de se reconhecer,pelos dogmas , pela cor, raça e fronteiras.
    Meu bem, meu bem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s