Pai! Você foi meu herói meu bandido!

CENA

Eu dirigindo meu carro, totalmente perdido, não conseguindo achar o lugar que procuro;

CORTA PARA:

Eu ligando para meu filho mais velho na esperança de encontrá-lo em casa para pedir que ele procure o endereço pra mim no googlemaps. Não o encontrando, e totalmente desesperado, eu finalmente ligo para meu pai de 78 anos, não muito habilidoso com o uso do computador.

Eis a conversa que se seguiu:

EU: Oi pai, você pode entrar no googlemaps e achar um endereço pra mim? Eu estou completamente perdido.

PAI: Claro. Espera um minuto. (ele falando consigo mesmo) vejamos… Google maps. G.O.O.G, pronto, google…ah não, não é isso. Deixa eu tentar novamente.

EU: Dá pra você se apressar? Eu já estou 10 minutos atrasados.

PAI: (me ignorando completamente) Bem, vamos ver. G.O.O.G.L.E ponto C.

EU: Não, não, pai. Googlemaps ponto com.

PAI: Ah, tá. Deixa eu tentar mais uma vez. G.O.O.G.L.E maps ponto com. Positivo. Vamos ver. E agora? Ah, clico em Como chegar.

EU: Beleza. É só escrever o endereço aí de casa, e eu te dou o endereço aonde eu quero chegar.

PAI: Ah, espera, não é isso não. Um momento. Deixa eu tentar novamente. G.O.O.G…

CORTA PARA:

10 minutos depois.

Eu estacionei numa rua. Perdi completamente o evento, mas não tenho coragem de terminar a ligação com meu pai, que passou todo esse tempo tentando me ajudar a encontrar o local.

PAI: Ótimo. Me dá novamente o endereço do lugar pra onde você quer ir.

CORTA PARA:

Um total de mais 15 minutos depois:

PAI: Olha, me faça um favor: Eu não tenho a mínima ideia do que estou fazendo aqui. Por que você não tenta achar um posto de gasolina e pergunta alguém onde é que fica essa rua?

THE END

5 comentários sobre “Pai! Você foi meu herói meu bandido!

  1. Oi Ivan …

    Saudades de você!
    O mesmo humor de sempre e a habilidade de expressar as palavras.
    Mesmo que tente sumir do Lúdico, não consegue!

    Bjus da Ori.

    1. Oi xuxu!

      Bom te ler! Obrigado pelas palavras sempre gentis. É… realmente é difícil me conter e não escrever minhas sandices… hoje cedo eu assistia ao casamento real e reparava no jeitão despachado, meio inclinado para frente, do irmão do noivo, o tal do Harry, que na minha opinião deveria se chamar de Zeca Diabo. Diz se aquele menino não tem cara de capeta? Eu olhava ele ali na carruagem acenando pro povão, pras meninas e dizendo consigo mesmo: Já comi, já comi, tou comendo, vou comer… hahahaha

      Eu sei, eu sei, minha mente é ruim… fazer o que? rs

      Saudades de ler vc tbm, e de saber da sua vida? Como vão as coisas no apê novo? E o bom menino lá? Vamos sair algum dia pra papear? Me liga.

      Beijinho.

      Ivan

  2. Que amado….concordo com seu pai que o método tradicional, posto de gasolina, é muito eficaz e vem funcionando há décadas. Adorei estar navegando hoje cedo e me deparar com textos novos no seu blog. Saudade das suas letrinhas. E, a propósito, de você também. Vamos marcar uma sopa e vinho pra colocar assuntos em dia? Beijo e bom fim de semana.

    1. Oi Gi!!!

      Que bom que gostou das letrinhas… rsssss… é bom escrever. Eu estava conversando com minha filha caçula e ela disse que achou divertido o texto e que agora entende pq é que eu sempre consulto o posto de gasolina… rsssss… ou seja, eu aprendi a lição! haha

      Flor, vamos tentar alguma coisa sim. Convide aqueles seus primos divertidos, marque alguma coisa, e me chame! 🙂

      Beijinho.

      Ivan.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s